Prefácio

Autores

Resumo

Abordagens sobre a temática do meio ambiente é uma pauta que requer certa urgência, em razão do cenário caótico que se delineia no horizonte. As perpectivas não são favoráveis quando se considera o panorama que desperta sérias preocupações quanto às condições de vida no planeta, e se constitui no maior de todos os desafios para lideranças mundiais.

A crise ambiental a que o modelo insustentável de desenvolvimento humano conduziu o planeta tem faces deveras inquietantes, já que ocasionou mudanças climáticas ameaçadoras e transversais e, por conta disso, a perda dramática de biodiversidade, a redução drástica da água doce disponível, a poluição atmosférica mortal, a inundação de plásticos dos mares e oceanos, e outros danos igualmente perturbantes.

As mazelas constatadas no cenário mundial é fruto de uma práxis sustentada na visão filosófica denominada antropocentrismo, na qual, em nome do “desenvolvimento”, o homem tem explorado os recursos naturais de forma indiscriminada, e a natureza, por sua vez, não consegue renovar as fontes atingidas por tal degradação.

Mais do que nunca, é tempo, é urgente e é preciso que se estimule a construção de uma nova concepção ética: a ecológica, assentada no princípio da responsabilidade na gestão dos recursos naturais ainda disponíveis. Contudo, para que isto seja possível, é mister que se supere o já citado paradigma antropocêntrico,que cristalizou uma ideia mecanicista de mundo, concebida a partir dos pensamentos filosófico e científico dos séculos XVI e XVII, nos quais a natureza era apenas e tão somente uma fonte inesgotável de recursos a ser explorada pelo ser humano.

Atentos a essa realidade, no firme propósito de proporcionar à sociedade uma resposta que possa impactar eficiente e eficazmente na mitigação desse preocupante panorama, é que a Escola da Magistratura de Rondônia ofereceu ao Tribunal de Justiça e às instituições que mantém interface com o Poder Judiciário, o curso de pós-graduação lato sensu em Direito Ambiental (Ambro), convictos de que, promovendo pesquisas que reúnem as dimensões do direito ambiental, do desenvolvimento sustentável e das políticas públicas, estará dando subsídios para que os operadores do direito possam cumprir com segurança seus papel institucional, tendo em vista que a sociedade já não mais se pode furtar de permanecer na apatia mediante os sinais catastróficos que a natureza está imanando e, como consequência, litigâncias climáticas serão demandas que abarrotarão as pautas do Poder Judiciário.

A Conclusão do Curso pós-graduação lato sensu em Direito Ambiental (Ambro) resultou na produção de XX Artigos científicos, nesta revista eletrônica reunidos, cuja leitura é imprescindível a todo e qualquer cidadão comprometido com futuro do Planeta, mas, sobretudo, indicada ao operador do direito que necessita estar inteirado do que diz a ciência para fundamentar e promover a justiça, convencidos de que, mais do nunca, é preciso refletir sobre o que ensina a sabedoria hindu, afimando que “"Não herdamos a terra de nossos pais, mas a pegamos de empréstimo de nossos filhos e netos” (Henry Brown).

Tenha uma Sustentável leitura!

 

Biografia do Autor

Eduardo Ribeiro dos Santos, Cepep/Emeron

Graduado em Ciências Biológicas (Licenciatura Plena) pela União das Escolas Superiores de Porto Velho - UNIPEC(2003). Especialista de Administração Pública e Gerência de Cidades pelo Centro Universitário Internacional UNINTER. Atuou como Professor da UNIPEC e União das Escolas Interamericanas de Rondônia - UNIRON, de janeiro de 2004 a julho 2007, ministrando as seguintes disciplinas: Informática Básica no curso Zootecnia; Informática Aplicada à Educação nos cursos de Ciências Biológicas e História; Saneamento Básico e Gerenciamento de Unidades de Conservação no curso Técnico em Gerenciamento Ambiental. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Ecologia de Ecossistemas. Atualmente é Técnico Judiciário no Tribunal de Justiça do Estado de Rondônia - TJRO, atuando como Coordenador do Centro de Pesquisa, Inovação e Publicação Acadêmica - Cepep da Escola da Magistratura do Estado de Rondônia - Emeron.

 

Publicado

12/17/2021

Como Citar

SANTOS, E. R. dos; SILVA DOS SANTOS, J. C.; GONÇALVES DE OLIVEIRA, P. L. Prefácio. Revista da Emeron, Porto Velho/RO - Brasil, n. 29, 2021. Disponível em: https://periodicos.emeron.edu.br/index.php/emeron/article/view/171. Acesso em: 5 dez. 2022.

Edição

Seção

Editorial

Categorias